Bolsa

Comentários sobre o Mercado

12/11/2015

  • A Kohl registrou um lucro ajustado de US$0,75 por ação no terceiro trimestre, US$0,06 acima do esperado. A receita também ficou acima do consenso e a Companhia registrou um aumento de 1% nas vendas mesmas lojas.
  • A Viacom registrou lucro trimestral ajustado de US$1,54 por ação, em linha com as estimativas, enquanto a receita ficou ligeiramente abaixo do consenso.
  • O Banco do Brasil (BB) teve lucro líquido contábil de R$ 3,062 bilhões no terceiro trimestre, com alta de 10,1% sobre igual período do ano passado. Já o lucro ajustado, que exclui eventos extraordinários, recuou 0,14% e ficou em R$ 2,881 bilhões.
  • O BTG Pactual vendeu a rede Mais Econômica, com 165 lojas na Região Sul do país, para a gestora de investimentos Verti Capital, por R$ 44 milhões, como parte do processo de reestruturação da BR Pharma, seu negócio no setor de farmácias, que tem endividamento líquido de cerca de R$ 840 milhões e valor de mercado de R$ 160 milhões. A reorganização da BR Pharma ¬ que tem mais de mil lojas no país ¬ inclui um aumento de capital de R$ 600 milhões, por meio de oferta de ações restrita aos atuais acionistas, além da integração da rede Big Ben, que atua na Região Norte.
  • A Brasil Pharma ¬ dona das redes de drogarias Farmais, Rosário, BigBen, entre outras ¬ registrou prejuízo líquido de R$ 67,5 milhões no terceiro trimestre deste ano, em queda de 26,9% ante o prejuízo líquido de R$ 92,4 milhões do mesmo trimestre do ano passado, segundo demonstrações financeiras divulgadas nesta quinta¬-feira no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A companhia confirmou nesta quinta-¬feira a venda da rede Mais Econômica. A receita líquida da Brasil Pharma recuou 3,1% no terceiro trimestre, para R$ 878,5 milhões, frente aos R$ 907,2 milhões do mesmo período do ano passado.
  • O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) analisa aplicar duas penalidades sobre a Samarco, que causou um desastre ambiental em municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo com o rompimento de duas barragens, há uma semana. Uma das punições se refere ao lançamento de efluentes pela empresa no rio Doce, tornando a água inapropriada para o consumo humano. A outra penalidade refere-¬se à perda de biodiversidade. Juntas, as duas multas podem chegar a R$ 100 milhões. O valor não inclui a reparação integral dos danos ambientais, sem incluir as perdas sociais, que também serão de responsabilidade da Samarco, controlada por Vale e BHP Billiton.
  • O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, apontou ontem um "esvaziamento" na mobilização de caminhoneiros contrária ao governo com interdição de rodovias pelo país no terceiro dia de mobilização. O ministro defendeu enfaticamente o endurecimento feito contra o movimento, a partir da edição de medida provisória pela presidente Dilma Rousseff prevendo entre outras sanções a elevação de multas, ao ser questionado sobre a disposição da bancada ruralista no Congresso em barrar a iniciativa.

Índices

Nome

Atual

%Variação

Dow Jones Industrial Average

17.583,00

-0,41%

S&P 500 Index

2.063,00

-0,29%

Nasdaq Composite Index

4.621,25

-0,23%

Ibovespa

47.269,12

0,43%

Índices Globais

Japão: Nikkei

19.697,77

0,03%

China: Shanghai

3.804,63

-0,48%

Hong Kong: Hang Seng

22.888,92

2,40%

Alemanha: DAX

10.809,91

-0,90%

França: CAC 40

4.878,32

-1,50%

Londres: FTSE

6.231,79

-1,04%

Commodities

Petróleo Bruto WTI (NYM $/bbl)

$42,33

-1,40%

Ouro ($/oz)

$1.080,60

-0,40%