Bolsa

Comentários sobre o Mercado

05/11/2015

  • Os pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos atingiram 276 mil, ficando acima das expectativas. A produtividade subiu a uma taxa anual de 1,6% no terceiro trimestre, enquanto os custos trabalhistas tiveram aumento de 1,4%.
  • O Facebook registrou lucro trimestral ajustado de US$0,57 por ação, US$0,05 acima do esperado, com a receita também superando a projeções do Street. O Facebook também registrou um crescimento considerável na publicidade e número de usuários móveis.
  • A Qualcomm registrou lucro trimestral ajustado de US$0,91 por ação, superando as estimativas em US$0,05 centavos, com receita também acima do esperado.
  • A presidente Dilma Rousseff sancionou, com vetos, a MP 676/2015, convertida na Lei 13.183, que institui uma nova regra para a aposentadoria e que será uma alternativa ao fator previdenciário, mecanismo que penaliza as aposentadorias precoces. A medida foi a contraproposta do Poder Executivo para evitar a derrubada do veto presidencial ao fim do fator previdenciário. Com a aprovação, o cálculo da aposentadoria será feito pela regra conhecida como 85/95. A nova regra entra em vigor hoje e avança um ponto a cada dois anos até atingir 90/100. Assim, o segurado que preencher o requisito para a aposentadoria por tempo de contribuição poderá optar pela não incidência do fator previdenciário no cálculo de sua aposentadoria quando o total resultante da soma de sua idade e de seu tempo de contribuição for igual ou superior a 95 pontos para os homens ou igual ou superior a 85 pontos para as mulheres. Para optar pela regra 85/95, os homens terão que ter, no mínimo, 35 anos de contribuição e as mulheres, 30 anos.
  • A área econômica do governo projeta que a despesa discricionária do Executivo neste ano (aquela que pode ser cortada) ficará 5,2% menor do que a realizada em 2013, em termos nominais. Em termos reais, a queda pode superar 18%. O dado consta de tabela do anexo do ofício encaminhado ao Congresso pelos ministérios da Fazenda e do Planejamento, na semana passada, com a proposta de redução, pela segunda vez, da meta fiscal deste ano. Na comparação com 2014, o gasto terá diminuição nominal de 8,7% e de 16% em termos reais. O governo tomou a decisão política, na semana passada, de não fazer novo contingenciamento dos gastos para compensar a frustração da receita ocorrida nos últimos meses. A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) determina que, ao fim de cada bimestre, se a receita não garantir o cumprimento da meta fiscal, o governo precisa contingenciar as dotações orçamentárias para que o objetivo seja alcançado.
  • Mais de metade das rodovias brasileiras tem problemas, segundo pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT). De acordo com o documento, 57,3% dos 100,7 mil km pesquisados neste ano "têm alguma deficiência no estado geral". Na comparação com 2014, houve melhora, já que o índice foi de 62,8%. A melhora, segundo a pesquisa, decorre de programa de sinalização implantado pelo governo e no aumento do número de estradas concedidas.
  • O Ministério da Fazenda encaminhou ontem à Comissão Mista de Orçamento (CMO) documento informando que o valor devido pelas chamadas "pedaladas fiscais" é de R$ 57,013 bilhões. Para pagar esse montante, o Palácio do Planalto terá de editar três decretos e encaminhar dois projetos de lei ao Congresso e dependerá, portanto, do Legislativo para quitar parte da dívida.
  • A Finep e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) lançam hoje o primeiro edital do Programa de Desenvolvimento da Indústria Química (Padiq). É o 13º edital do Inova Empresas, criado em 2010 dentro do Programa de Sustentação do Investimento (PSI), o primeiro desenvolvido a partir de uma ampla análise do setor. O Padiq coloca R$ 2,2 bilhões disponíveis para a área química em sete linhas: aditivos alimentícios para animais (metionina), derivados do silício, materiais compostos revestidos com fibras, insumos químicos para higiene pessoal, perfumaria e cosméticos, produtos químicos de fontes renováveis, produtos para exploração e produção do petróleo.

Índices

Nome

Atual

%Variação

Dow Jones Industrial Average

17.829,00

0,24%

S&P 500 Index

2.100,00

0,25%

Nasdaq Composite Index

4.720,25

0,23%

Ibovespa

47.460,53

-0,52%

Índices Globais

Japão: Nikkei

19.116,41

1,00%

China: Shanghai

3.689,38

1,83%

Hong Kong: Hang Seng

23.051,04

-0,01%

Alemanha: DAX

10.942,78

0,90%

França: CAC 40

5.000,66

1,06%

Londres: FTSE

6.407,17

-0,09%

Commodities

Petróleo Bruto WTI (NYM $/bbl)

$45,93

-0,84%

Ouro ($/oz)

$1.107,70

0,14%