Bolsa

Comentários sobre o Mercado

30/10/2015

  • Os mercados de ações dos EUA sinalizavam uma abertura em alta nesta sexta-feira, quando os principais índices estavam posicionados para fechar outubro com os melhores ganhos mensais em quatro anos.
  • As companhias de energia estavam no centro das atenções esta manhã, as ações da Chevron Corp. subiram 1,4% nas negociações antes da abertura do mercado na sexta-feira após a gigante do petróleo ter superado as expectativas tanto em termos de vendas quanto de lucro e ter afirmado que pretende diminuir os gastos e cortar até 7 mil empregos nos próximos anos.
  • A Exxon Mobil Corp. subiu 0,9% nas negociações antes da abertura do mercado na sexta-feira após a gigante do petróleo ter registrado vendas e lucro que caíram muito menos que o esperado no terceiro trimestre.
  • A Starbucks subiu 0,7% após ter divulgado resultados em linha com o esperado e guidance abaixo das expectativas.
  • O LinkedIn valorizou 11.9% após divulgar resultados acima do esperado e guidance de resultados otimista.
  • A Anheuser-Busch Inbev subiu 2,2% apesar de não ter atingido as expectativas.
  • Após cinco meses consecutivos de queda, o Índice de Confiança de Serviços (ICS) da Fundação Getulio Vargas (FGV) aumentou 4,5% em outubro, ante setembro, para 71,5 pontos, feitos os ajustes sazonais. É a primeira alta desde abril. Esse avanço foi provocado por expectativas mais positivas a respeito da situação dos negócios, contratações e faturamento nos próximos três a seis meses.
  • A aceleração das matérias-primas após a depreciação do câmbio atingiu todos os estágios de produtos no atacado e chegou ao consumidor, o que justifica a alta de 0,95% para 1,89% do Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M) entre setembro e outubro.
  • Os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) referentes ao trimestre encerrado em agosto sinalizam que a deterioração do mercado de trabalho neste ano continua mais intensa nas regiões metropolitanas do que na média do país. Entre junho e agosto de 2014 e o mesmo período deste ano, a taxa de desemprego subiu 1,8 ponto percentual na Pnad, da 6,9% para 8,7%. Na Pesquisa Mensal de Emprego (PME), que acompanha as seis principais regiões metropolitanas do país, a alta foi de 2,4 pontos, de 4,9% para 7,3%, também na comparação entre trimestres.
  • As multinacionais brasileiras têm diversificado os destinos dos investimentos, independentemente do modelo de atuação escolhido subsidiárias, plantas próprias ou unidades franqueadas. De acordo com o ranking 2015 da Fundação Dom Cabral, mercados mais tradicionais como EUA e Argentina ainda lideram entre os países com maior presença de empresas brasileiras 39 e 34, respectivamente. Mas localidades "alternativas" como Tanzânia, Martinica e os Emirados Árabes Unidos começam a despontar na lista. Conforme o ranking, em 2014, essas empresas estavam presentes em cem países. Em relação à edição anterior do levantamento, houve aumento no número de países: de 26 para 33.
  • No momento em que se discute o afastamento da presidente da República, o PMDB apresentou uma agenda para o país sair da crise econômica. Também chamado de "Proposta Temer", o documento faz duras críticas à atual política econômica e alinha os pontos que o PMDB julga necessários mudar, tais como a indexação do salário mínimo, a implantação do orçamento base zero e impositivo, a reforma da Previdência Social, com a estipulação da idade mínima, e a fixação da regra que estabelece que as convenções trabalhistas serão determinantes nas negociações trabalhistas, ao contrário do que prevê a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Índices

Nome

Atual

%Variação

Dow Jones Industrial Average

17.722,00

0,21%

S&P 500 Index

2.087,00

0,19%

Nasdaq Composite Index

4.671,00

0,20%

Ibovespa

45.428,98

-0,44%

Índices Globais

Japão: Nikkei

19.083,10

0,78%

China: Shanghai

3.542,16

-0,15%

Hong Kong: Hang Seng

22.640,04

-0,79%

Alemanha: DAX

10.800,07

-0,01%

França: CAC 40

4.886,06

0,00%

Londres: FTSE

6.376,03

-0,31%

Commodities

Petróleo Bruto WTI (NYM $/bbl)

$46,16

0,22%

Ouro ($/oz)

$1.140,70

-0,58%