Bolsa

Comentários sobre o Mercado

12/06/2015

  • O impasse entre a Grécia e seus supervisores internacionais de negociação agravou-se na quinta-feira depois que o Fundo Monetário Internacional abandonou conversações com Atenas, citando diferenças importantes sobre como salvar o país da bancarrota. Isto pressionou as ações europeias que caíram na sexta-feira.
  • Quanto aos dados econômicos dos EUA, os preços no atacado subiram em maio com o maior salto no custo do combustível em pelo menos cinco anos, superando os avanços em outras categorias. O aumento de 0,5% no índice de preços ao produtor substituiu a queda de 0,4% no mês anterior, de acordo com dados do Departamento do Trabalho na sexta-feira.
  • O Federal Reserve se reúne na próxima semana para discutir o momento certo para um eventual aumento na taxa de juros. Eles emitirão novas previsões para a economia e o caminho da taxa dos fundos federais, e a presidente Janet Yellen fará uma coletiva de imprensa após a reunião.
  • Dick Costolo está deixando a posição de presidente-executivo do Twitter em 1 de julho, enquanto a empresa de mídia social se esforça para convencer Wall Street de sua estratégia de sua crescimento. A empresa disse que o Presidente e cofundador Jack Dorsey assumirá como CEO interino. O Twitter buscará um CEO permanente tanto dentro da empresa como fora dela, com o Comitê de seleção composto pelos membros do Conselho Peter Currie, Peter Fenton e Evan Williams.
  • No dia da abertura do congresso nacional do PT, o partido da presidente Dilma Rousseff foi exposto na CPI da Petrobras. A comissão aprovou ontem a convocação de Paulo Okamotto, presidente do Instituto Lula e braço-direito do ex-presidente da República. Aprovou também o pedido para o envio de dados dos sigilos do ex-ministro José Dirceu (Casa Civil) e sua empresa JD Consultoria, já quebrados pela Polícia Federal.
  • A maior engarrafadora da Coca-Cola no mundo, a mexicana Femsa, planeja começar a vender produtos lácteos no Brasil. A empresa estuda adquirir um laticínio no país, talvez em Minas Gerais.
  • Com o agravamento da crise na indústria automobilística, a MAN, segunda maior fabricante de veículos comerciais pesados do país, decidiu fechar no mês que vem o segundo turno da produção de caminhões e ônibus no parque industrial de Resende, no sul do Rio de Janeiro. Na mesma região, a fábrica de automóveis inaugurada há pouco mais de um ano pela Nissan vai parar por férias coletivas no período de 24 de junho a 12 de julho - 19 dias corridos.
  • A Polícia Federal brasileira prendeu o ex-vice-presidente do Banco do Brasil e atual diretor do Banco Banif, Allan Simões Toledo, por acusação de envolvimento em organização criminosa internacional que usou contas bancárias, para evasão de divisas e lavagem de dinheiro no Brasil, Venezuela, EUA, Reino Unido e Hong Kong.
  • O Itaú Unibanco e a imobiliária Coelho da Fonseca encerraram no fim de maio a parceria que tinham para distribuição de financiamento habitacional do banco pelos corretores da empresa. A aliança, anunciada em 2008, estava prevista para durar dez anos e dava ao banco acesso exclusivo para emprestar aos clientes da Coelho da Fonseca. O fim da parceria foi resultado de uma discussão entre banco e imobiliária sobre valores que a Coelho da Fonseca deveria pagar ao Itaú, conta o executivo. Quando o acordo foi firmado, o banco fez um aporte de capital na imobiliária de valor não divulgado. Esse dinheiro era uma espécie de adiantamento das comissões que a imobiliária receberia pela originação de crédito habitacional para o banco e seria pago ao Itaú ao longo do tempo.

Índices

Nome

Atual

%Variação

Dow Jones Industrial Average

17.895,00

-0,82%

S&P 500 Index

2.093,25

-0,76%

Nasdaq Composite Index

4.459,25

-0,70%

Ibovespa

53.349,44

-0,63%

Índices Globais

Japão: Nikkei

20.407,28

0,12%

China: Shanghai

5.410,86

0,87%

Hong Kong: Hang Seng

27.280,54

1,39%

Alemanha: DAX

11.213,45

-1,05%

França: CAC 40

4.909,95

-1,24%

Londres: FTSE

6.802,55

-0,65%

Commodities

Petróleo Bruto WTI (NYM $/bbl)

$60,25

-0,86%

Ouro ($/oz)

$1.177,40

-0,25%