Bolsa

Comentários sobre o Mercado

13/05/2015

  • As ações europeias subiram após dados indicarem uma recuperação econômica modesta. O crescimento da Zona do Euro nos primeiros três meses do ano atingiu seu ritmo mais acelerado em quase dois anos, de acordo com dados divulgados na quarta-feira. Pela primeira vez desde o primeiro semestre de 2010, as quatro maiores economias da região registraram crescimento. O índice CAC 40 da França registrou valorização de 0,6%, enquanto o índice inglês FTSE subiu 0,3%.
  • Os futuros das ações norte-americana permaneceram em alta após o Departamento de Comércio afirmar que as vendas do varejo dos EUA ficaram estáveis em abril em US$436,8 bilhões. Os economistas consultados pelo The Wall Street Journal esperavam um aumento de 0,2% no PIB em abril. As vendas no varejo em março subiram de 0,9% para 1,1%.
  • Os preços dos títulos do tesouro subiram, fazendo com que os rendimentos dos títulos do tesouro de dez anos caíssem de 2,256% na terça-feira para 2,218%. Os rendimentos caem quando os preços sobem.
  • Na terça-feira, a American Express Co. anunciou um aumento de 12% nos dividendos e um novo programa de recompra de ações. As ações subiram 13% durante as negociações antes da abertura do mercado.
  • A Gol encerrou o primeiro trimestre deste ano com prejuízo líquido de R$ 673 milhões, perda sete vezes superior à de um ano antes, de R$ 96,1 milhões. O resultado contábil foi determinado pela despesa com variação monetária cambial, de R$ 774 milhões, inflada pela valorização de 42% do dólar ante o real entre março de 2014 e os três primeiros meses deste ano.
  • A Arcos Dourados, operadora dos restaurantes do McDonald‘s na América Latina, registrou prejuízo de US$ 28,2 milhões no primeiro trimestre, superior em 36,9% a igual período de 2014, devido aos menores resultados operacionais e aumento de perdas cambiais. No Brasil, as receitas somaram US$ 365,9 milhões de janeiro a março, queda de 14,6%. A depreciação de 22% do real na comparação anual ofuscou a estabilidade das vendas "mesmas lojas" (em estabelecimentos abertos há mais de um ano) e a abertura de novos restaurantes. Sem o efeito cambial, a receita avançaria 3%.
  • A Câmara dos Deputados aprovou ontem a Medida Provisória 663, editada para aumentar os subsídios que a União concede ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). No entanto, ao fim da votação, o governo sofreu uma derrota. Foi aprovada uma emenda apresentada pelo PDT para que 30% dos financiamentos a taxas subsidiadas sejam direcionados às empresas das regiões Norte e Nordeste. A MP, agora, segue para o Senado. Se não receber o aval da Casa até o fim da próxima semana, perderá a validade.
  • A Oi, a empresa de telecomunicações mais endividada no Brasil, contratou o banco Credit Suisse para vender seus call centers, que empregam 11% de toda sua mão de obra, segundo seu CEO, Bayard Gontijo.
  • A Petrobras deu a largada no processo de captação de recursos no mercado local e prepara uma emissão de pelo menos R$ 3 bilhões em debêntures.

Índices

Nome

Atual

% Variação

Dow Jones Industrial Average

18.023,00

-0,03%

S&P 500 Index

2.097,75

0,13%

Nasdaq Composite Index

4.433,50

0,29%

Ibovespa

57.212,32

-0,81%

Índices Globais

Japão: Nikkei

19.764,72

0,71%

China: Shanghai

4.583,85

-0,58%

Hong Kong: Hang Seng

27.249,28

-0,58%

Alemanha: DAX

11.432,01

-0,35%

França: CAC 40

5.001,93

0,55%

Londres: FTSE

6.955,14

0,31%

Commodities

Petróleo Bruto WTI (NYM $/bbl)

$61,63

1,45%

Ouro ($/oz)

$1.203,30

0,91%